O voto antecipado decorre entre o 12.º e o 10.º dias anteriores ao dia da eleição, ou seja, entre os dias 27 e 29 de fevereiro de 2024, nas Embaixadas e Consulados. O cidadão deve levar consigo o Cartão de Cidadão, Bilhete de Identidade ou outro documento identificativo, como carta de condução ou passaporte e indicar a Junta de Freguesia do recenseamento. Não necessita de comprovativo ou justificação de qualquer entidade.

Podem votar antecipadamente todos os eleitores recenseados em território nacional, mas deslocados temporariamente no estrangeiro, nas seguintes situações:

- por inerência do exercício de funções publicas;

- por inerência do exercício de funções privadas;

- quando deslocados no estrangeiro em representação oficial de seleção nacional, organizada por federação desportiva dotada de estatuto de utilidade pública desportiva;

- estudantes, investigadores, docentes e bolseiros de investigação deslocados no estrangeiro em instituições de ensino superior, unidades de investigação ou equiparadas reconhecidas pelo ministério competente;

- doentes em tratamento no estrangeiro;

- cidadãos que vivam ou que acompanhem os eleitores mencionados nas alíneas anteriores.

 

  • Partilhe